sexta-feira, 9 de janeiro de 2009

Autárquicas 09: Aquecem-se os Motores...


Com o avançar dos meses, o mapa dos candidatos começa a tomar forma.


Republico o post acerca das autárquicas de 2009 que se mantém actualizado no texto, tendo sido acrescentados os candidatos entretanto conhecidos ou alvitrados.


Ei-lo, pois:


Pois é. Para além de ser de crise, 2009 é ano de eleições.

E se, face ao recato do PSD em não querer apanhar com os cacos da desgraça socialista, quase que se recusando a ser governo, as eleições legislativas se resumem a saber se Sócrates tem ou não a maioria absoluta, já nas autárquicas a coisa assume outra dimensão.

Nas europeias, acto eleitoral quase secundário, para um Parlamento de limitadas competências efectivas, os partidos guardam os lugares cimeiros para mater as suas reservas em lume brando e num lugar agradável no Centro da Europa.
Assim, o importante mesmo, o verdadeiro campo de batalha, são as autárquicas, com O PSD a querer manter o papel de principal partido e o PS a atacar aquela posição e, em simultâneo, a querer quebrar a influência da CDU/PCP-PEV nesta área, principalmente no Alentejo e Área Metropolitana de Lisboa.

Pouco a pouco vão sendo conhecidos os candidatos nos vários concelhos, sendo de salientar as imposições das direcções nacionais em concelhos chave, como foi o caso de Marco de Canaveses, em que o PS recusou o candidato apoiado pela concelhia, Castro Verde, em que a candidatura liderada por José Francisco Guerreiro foi imposta de supetão, ou, na área do PSD, a imposição de António Sebastião em Almodôvar, com direito a viagem de Manuela Ferreira Leite ao concelho para esse efeito.

No Alentejo, algumas candidaturas vão sendo faladas, e vou tentar compor o quadro que se pode extrair das notícias que vêm a público através do média:


Aljustrel


CDU - Manuel Camacho (?)

PS - Nelson Brito

PSD -


Almodovar


PSD - António Sebastião

PS - João Saleiro

CDU-


Alvito


PS - Vicente Maurício

PSD - Mário Simões

CDU - João Penetra

Ind - João Paulo Trindade (?)

Barrancos


CDU - António Tereno

PS - Canudo Sena

PSD -


Beja


CDU - Franciscop Santos

PS - Pulido Valente

PSD - Pires dos Reis

CDS-PP - Ismael Pimentel

BE -


Castro Verde


CDU - Francisco Duarte (?)

PS - José Francisco Guerreiro Colaço

PSD - Pedro Figueira

BE -


Cuba


PS - Francisco Orelha

CDU - João Português (?)

PSD -


Ferreira do Alentejo


PS - Aníbal Reis Costa

CDU - Francisco Caixinha (?)

PSD -


Mértola


PS - Jorge Rosa

CDU - Jorge Revez

PSD - Martinho Fernandes

BE -


Moura


CDU - José Manuel Pós-de-Mina

PS - Rui Miguel Apolinário

PSD - Amílcar Mourão

CDS - Sílvia Ramos


Odemira


PS - José Alberto Guerreiro

CDU -Cláudio Percheiro (??)

PSD - Raul Albuquerque


Ourique


PS - Pedro do Carmo

PSD - José Raúl dos Santos

CDU -


Serpa


CDU - João Rocha

PSD - Sebastião Rodrigues

PS - António Patinho Pereira


Vidigueira


CDU - Manuel Narra

PS - António Mendes Pinto

PSD -



À medida que forem sendo conhecidos outros candidatos, e outros partidos concorrentes, esta lista será actualizada ou corrigida, consoante o caso.

12 comentários:

  1. Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

    ResponderEliminar
  2. Sinceramente os candidatos apontados por todo o lado revelam a instalação do velho caciquismo alentejano

    ResponderEliminar
  3. Disse-me um passarinho que pode haver grandes surpresas nos resultados esperados(!) ali para as bandas de Ourique. Esperemos para ver ...

    ResponderEliminar
  4. O da Vidigueira está errado.
    Aguardem pela surpresa

    ResponderEliminar
  5. sagher, não podemos estar mais de acordo com o que diz. Os potenciais candidatos a candidatos apontados na generalidade apenas prometem mais do mesmo sempre com os olhos postos no passado. Não se vislumbra ninguém com visão de futuro no sentido de mudança, de ruptura. Ao ler estes nomes só apetece fugir ... prá ilha!

    ResponderEliminar
  6. JNS deves-te ter enganado e ter apagado o meu comentário.

    Só o podes ter feito por engano não acredito que o tenhas feito por falta de democracia de opinião.

    Esclarece lá o que aconteceu....

    ResponderEliminar
  7. É isso mesmo!! Mais do mesmo! Que sofrimento.
    Queremos pessoal diferente. Ideias novas. Queremos candidatos anónimos, literalmente, como nos blogs. Quando pusermos as cruzinhas só aparece "anónimo". Ou queremos candidatos com promessas de vanguarda. Queremos quem prometa transformar a nossa região num imenso Silicon Valley. Melhor, numa floresta tropical. Queremos ideias diferentes. Queremos quem prometa 2 postos de trabalho por pessoa. Queremos quem construa monumentos do século XVII para atrair turismo. Queremos que a faixa costeira de Messejana se estenda até Almodôvar. Não queremos mais do mesmo. Queremos ideias novas. Queremos julgar já. Não queremos ler programas. Isso é uma seca

    ResponderEliminar
  8. Ti Chico

    Não. Não houve engano.

    Nem sequer houve ofensa da liberdade de opinião porque não manifestaste qualquer opinião.

    Fizeste perguntas com insinuações torpes que eu deixei de permitir neste blogue.

    Gostaste? Tudo bem.

    Não gostaste? Paciência.

    ResponderEliminar
  9. Ditadura militar queres dizer!

    Tu lá sabes as linhas com que te cozes.

    Noutro local em publico vou-te colocar as mesmas questões e aguardar pelas tuas respostas.

    Se Castro seguir o movimento de renovação do partido por muito que te custe o candidato vai ser o Paulo nascimento.

    ResponderEliminar
  10. Ti Chico

    Estou a aguardar ansiosamente que me coloques pessoalmente as questões que entenderes.

    Quanto às linhas com que me coso, gostava de saber a que te referes.

    Se o candidato escolhido pela CDU/PCP-PEV for o Paula Nascimento, será, e terá o meu voto.

    Volto a dizer: fico a aguardar as questões que quiseres colocar.

    ResponderEliminar
  11. Desculpe "meter a colher", mas, tanto quanto sei, o presidente da câmara de Alvito é mesmo independente e ainda não tomou nenhuma decisão se vai recandidatar-se ou não

    Obrigado

    ResponderEliminar
  12. Fez muito bem em "meter a colher".
    Esse é o motivo do ponto de interrogação pela CDU.
    Esta indicação foi retirada de um artigo de jornal.

    ResponderEliminar